sexta-feira, 25 de abril de 2014

Morada divina / Divine home / Hogar divino

Nele vocês também estão sendo juntamente edificados, para se tornarem morada de Deus por seu Espírito.” Efésios 2.22
Se Deus está interessado em nos edificar para sermos sua morada, isso só pode ser sinal de que somos um bom lugar para habitar.
O que levaria você a escolher um bom lugar para morar? Um bairro seguro, uma rua tranquila, uma arquitetura atraente e funcional, um espaço aconchegante. E se as circunstâncias ainda não nos permitiram desfrutar dessas qualidades, lutamos por conquistá-las, quer seja investindo em melhorias, quer seja reivindicando com quem possa tomar providências.
A gente faz isso para nós mesmos porque a gente sabe que a casa é o único lugar em que se pode ser o que de fato é. E a casa será tão útil e necessária quanto mais a gente sente vontade de voltar para ela e permanecer nela. A casa não é só um prédio, mas um espaço complexo onde a vida acontece intensamente.
Na nossa casa, nós vivemos de intimidade, de comunhão, de liberdade. Nela, nossas dores são enfrentadas de maneira mais corajosa, nossas alegrias são mais profundas, nossas relações são mais duradouras. É o espaço íntimo de nossa existência e se não for assim a vida carece de significados.
Em nossa casa, gostamos de convidar os amigos, protegemos nossos queridos dos inimigos, reunimos os parentes para partilhar a alegria da vida. Nela, recriamos o mundo do nosso jeito. Plantas, animais e natureza são parte da família, extensão de nós mesmos.
Deus deve pensar o mesmo a respeito de nós, quando nos considera como sua morada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Assista:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails