domingo, 1 de junho de 2014

Mais que vencedores / We are more than conquerors / Hacemos más que vencer

Mas, em todas estas coisas somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. Romanos 8.37
O que pode fazer de você um derrotado ou um perdedor? Talvez o desânimo, a preguiça, o medo, a falta de oportunidade ou a falta de habilidades. Enfim, são muitas as circunstâncias que podem proporcionar o sentimento de fracasso.
Quando a gente fala de vencedores ou derrotados, tem-se em mente a ideia de alvos a serem alcançados, sonhos a serem realizados e até de oportunidades perdidas. Numa sociedade competitiva como a nossa, o imperativo da vitória soa mais como uma imposição. Não dar conta da exigência de vencer na carreira profissional, por exemplo, já é, em si, um sintoma do fracasso.
Não podemos esquecer que somos construtores da nossa própria história. Porém, não o fazemos nas circunstâncias desejadas, mas apenas dentro das condições concretas que nos são oferecidas. Talvez tenhamos que lutar uma vida inteira para conseguir alcançar determinadas metas, realizar alguns dos nossos sonhos.
A vitória é sinônimo de tentativa. O nosso empenho e dedicação já são grandes conquistas que podemos desenvolver nesta vida. Para que a luta seja completa, precisamos acrescentar a ela os componentes da fé e da esperança, sem os quais nenhuma luta terá valido à pena.

Talvez a luta seja maior para uns do que para outros, mas o que faz a diferença é que aquele que nos amou não permite que lutemos sem que tenhamos o gosto da vitória desde já.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Assista:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails