terça-feira, 25 de setembro de 2007

Resultado da última enquete: Violência e Espiritualidade


A nossa última enquete tratava da relação da violência/espiritualidade e a maioria esmagadora concordou que a disseminação da violência está ligada a fatores espirituais. Embora a gente saiba que existem vários fatores que causam a violência , a gente não pode negar que a questão espiritual ou o modo como desenvolvemos a nossa espiritualidade afeta a nossa atitude. O problema é que não estamos acostumados a ver a espiritualidade como caminho para a solução de qualquer problema. O apelo imediato para a solução do problema da violência aponta para intolerância (ou "tolerância zero"), mas a espiritualidade aponta para um exame de si mesmo. Aí podemos descobrir que a causa da violência não está no outro, mas nos valores que adotamos como válidos para a construção de nossa identidade. Eu sei que isso dá um bocado de questionamentos. Vamos tratar disso numa outra hora. Continue participando de nossas enquetes. É um bom começo de conversa.

4 comentários:

  1. Irênio...
    Vc tá ficando bom nesse negócio de blog héimmmm.... parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Oi Irênio, apenas quero convidá-lo a participar de um congresso que acontecerá em São Paulo, o THEOlogando Internacional. Dê uma olhada no site: www.theologando.com.br

    ResponderExcluir
  3. violência, esse tema é polemico, pq para algumas religiões há justificativas para matar em nome de Deus, o que vc pensa disso?pode responder aqui mesmo que eu venho ler depois.

    valeu.

    ResponderExcluir
  4. Para o Neuber:
    - A gente tenta. Virei blogueiro. Fazer o quê... Obrigado
    Para Alessandra:
    - Fui lá no site do Theologando e queria conhecer um pouco mais do pessoal que promove esses eventos. Não vai dar pra ir pois dou aulas nos dias do congresso e ainda por cima é aniversário da minha linda filhinha.
    Para o Pablo:
    - Esse é o problema do fundamentalismo. Já comentei brevemente sobre isso, sobre esse negócio de fé cega de faca amolada. O problema do fundamentalismo associado ao fanatismo. É uma mistura explosiva. Li outro dia numa historia em quadrinhos dessas de jornal: um cara procurava no dicionário o significado da palavra "fanático"; então vem a definição - "alguém que não crê da mesma forma que a gente". Infelizmente, muita gente pensa dessa forma. E parece que é muito mais fácil eliminar (excluir, excomungar, desligar, tudo tem a mesma intenção) aquele que nos confronta.

    ResponderExcluir

Assista:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails